Covid-19 ainda é uma emergência de Saúde global, afirma OMS

Com 687 mil mortos, o Brasil foi uma das nações mais afetadas

21.10.2022

Tedros Adhanom ressalta importância de vigilância sanitária e vacinação

A Organização Mundial da Saúde declarou nesta quarta-feira (19/10), em Genebra, que a covid-19 ainda é uma emergência de Saúde global. A pandemia mais letal em gerações teve início há cerca de três anos e causou cerca 15 milhões de mortes, segundo estimativa da OMS.

O diretor geral da OMS Tedros Adhanom ressalta que, embora os casos estejam caindo em partes do mundo, é crucial manter a vigilância sanitária, incluindo testagem de casos suspeitos, e da vacinação.

Com 687 mil mortos, o Brasil foi uma das nações mais afetadas pela doença. A demora na vacinação e mensagens contraditórias do governo federal contribuíram para a alta letalidade da pandemia no Brasil. Familiares das vítimas de covid-19 realizam hoje (20/10), ato na Praça dos Três Poderes, em Brasília, em memória das vítimas.

Primeira brasileira vacinada contra covid-19, a enfermeira Mônica Calazans foi vítima de difamação dos grupos anti-vacina

Na linha de frente – Os enfermeiros, técnicos e auxiliares de Enfermagem estiveram na linha de frente do combate à pandemia, evitando o colapso sanitário, e foram severamente afetados pela doença. Os dados foram monitorados pelos Conselhos de Enfermagem, em observatório, já nos primeiros meses da pandemia, diante da ausência inicial de números oficiais.

O Brasil chegou a representar um terço das mortes globais de profissionais de Enfermagem por covid-19. A partir de 2021, a vacinação levou a uma queda nos óbitos.

Primeira brasileira vacinada contra covid-19, a enfermeira Mônica Calazans, do hospital Emílio Ribas, foi vítima de fakenews, que chegavam anunciar sua morte. Trabalhadora do SUS, mulher, negra e mãe solo, Mônica representa grande parte dos profissionais que estiveram na linha de frente da pandemia. Oito em cada dez profissionais de Saúde mortos eram mulheres.

 

Assista o documentário Na Linha de Frente, do Conselho Federal de Enfermagem.

Fonte: Ascom – Cofen

Compartilhe

Outros Artigos

Receba nossas novidades! Cadastre-se.


Fale Conosco

 

Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba

João Pessoa (Sede): Av. Maximiano Figueiredo, 36 - Centro, João Pessoa - PB, 58013-470 | Campina Grande (Subseção): Rua Vice-Prefeito Antônio de Carvalho Sousa, 450, EMP. RONALDO CUNHA LIMA, Sala 714, Estação Velha.

(83) 3113-1144 (Ligações) | (83) 3221-8758 (WhatsApp)

corenpbrcp@uol.com.br


Horário de atendimento ao público

8:00 às 12:00 | 13:00 às 16:00